segunda-feira, 25 de julho de 2011

O Cortador de Isopor


Estreando o marcador de projetos com grande estilo, quero introduzir vocês ao meu projeto de conclusão do primeiro módulo do curso técnico em eletrônica. Ele foi elaborado com toda a turma, e cada grupo vai fazer um modelo do mesmo projeto. Agora é só dar asas e deixar a imaginação correr solta. O projeto é um cortador de isopor. Algo bastante simples, porém um projeto interessante, já que seremos a primeira turma de primeiro módulo a criar e apresentar um projeto prático.

Bom, o projeto consiste basicamente em uma fio resistivo devidamente cortado, que será fixado em um suporte de material isolante. Nesta "resistência" será aplicada uma tensão, que propiciará uma dissipação de potência para aquecê-lo. Esse aquecimento deverá ser o suficiente para derreter (e, consequentemente, cortar) o isopor.

Os materiais para o projeto são simples, e aí vai a lista:

* 1 Transformador 6+6V, 3A [Ou até mesmo um de apenas 6V, 3A];


* 1 Fio Resistivo [que pode ser até mesmo uma resistência de chuveiro, se bem que não foi o que usamos];



* 1 "Rabicho";


* Fio para até 3A;



* 1 Suporte qualquer [pode, inclusive, ser um cabide, desde que de madeira!]



O primeiro passo é medir o comprimento do suporte nos pontos onde será fixado o fio resistivo, assim poderemos saber o comprimento de fio necessário e poderemos medir sua resistência. Em um dos projetos (onde usamos um cabide) a distância entre as duas pontas era de 40 cm. Fazendo a medição da resistência de nosso fio verificamos um valor de pouco mais de 2 [;\Omega;]. Nosso fio consistia do desenrolamento de uma "resistência" típica de chuveiro, que é feito da liga níquel-cromo.
Como usamos uma tensão de 6V e a corrente fornecida pelo trafo não deve ultrapassar 3A, é fácil calcular que a resistência mínima do fio deve ser de 2 [;\Omega;]. Por sorte a resistência de nosso fio estava um pouco acima dessa faixa.
O próximo passo é o cálculo de corrente e potência. No nosso caso a corrente deu próxima de 3A e a potência próximo de 18W. Esta potência é bastante elevada, mas como o fio era espesso, ele suportou bem essa dissipação de potência. Com um fio de menor diâmetro (e, portanto, maior resistência) e comprimento de 20 cm conseguimos cortar satisfatoriamente isopor de 4 cm de espessura com cerca de 4W de potência.

Com nosso projeto, conseguimos cortar isopor e até fazer algumas maquetes com ele. Abaixo há algumas fotos da nossa maquete:



Era isso por hoje. A foto do início do post é a do nosso projeto. Quero agradecer ao Vinícius, ao Guilherme, ao Bruno e ao Matheus que fizeram parte do grupo e ajudaram na realização do projeto. Valeu a todos e estamos aí quando precisarem. Quanto a qualquer dúvida de qualquer leitor desse blog (se é que existe algum) estou aqui para responder. É só deixar um comentário. Projeto fácil, bom para feiras de ciências por abordar vários conceitos de eletricidade, como tensão, potência, etc. Abraço e até a próxima. E a dica é: se forem realizar o projeto, tomem cuidado! Eletricidade mata!

10 comentários:

  1. tem como vc me ajudar a fazer uma maquina assim para eu tar fazendo asas para aeromodelo ...
    meu email e msn esta abaixo abraço.

    bjacademia@hotmail.com

    ResponderExcluir
  2. Oi, Leonardo
    Vc sabe se o calor gerado é suficiente para cortar material sintético como fitas de seda. Achei bem interessante. Parabéns pela dedicação

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Infelizmente não conheço o suficiente sobre o material para responder sua pergunta, embora acredite que sim, pois já cortei plástico com ele. Caso seja insuficiente, teríamos que fazer algumas modificações no projeto, como trocar o trafo por um com maior capacidade de corrente, o que encarece o projeto. :( Espero ter ajudado.

      Excluir
    2. Se corta plástico, então acho que irá cortar. Obrigada pela atenção. Ajudou muito.

      Excluir
  3. eu to fazendo um cortador de isopor com o carregador de notebook mas a minha duvida e se quando eu liga o positivo de um lado e o negativo do outro não vai queima a fonte.
    o fio tem mais o menos 60 centímetros se eu liga cada polo em uma ponta não vai queima a fonte de 19 v não?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá. O importante, além da tensão, é descobrir a resistência do seu fio e a corrente que seu carregador pode fornecer.

      Com um multímetro você consegue descobrir a resistência deste fio. A corrente do carregador geralmente vem escrita nele. Se sua carga não exceder a corrente do carregador, há grandes chances de funcionar sem problemas. Se sua carga exceder a corrente, ou estiver em um valor muito próximo do valor máximo nominal, nem tente.

      No caso de a corrente exceder, você pode adquirir um fio maior e, com isso, uma carga com maior resistência, o que consumirá menos corrente.

      Tome cuidado e boa sorte. :)

      Excluir
    2. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
    3. Minha Preocupação e queima a fonte O fio que quero esquenta e fio de resistência de chuveiro ele e bem grosso tem mais o menos uns 70 centímetros a fonte e de 19v ta descrito nela. daria pra eu fazer o cortador assim... ou acha melhor eu desistir? vou usar dois jacarézinhos pra conectar um em cada ponta ai só não sei se vai da curto ou vai da tudo certo. as duas pontas do fio vão ficar ligados a esse fio de resistência de chuveiro a uma distancia mais o menos de 70 centímetros.

      O meu fio de resistência e exatamente igual a da foto que você postou da resistência eu só estiquei ele e deixei liso com uns 70, 60 centinetos.

      Excluir
    4. Sem saber a corrente que seu carregador pode fornecer, ou pelo menos a resistência do fio que você irá utilizar, eu recomendo desistir.

      Se seu fio for igual ao que usei, não vai dar certo, pois 19V é muita tensão. O fio irá consumir 8.5A, o que com certeza seu carregador não suporta.

      Excluir